Buscar
  • A.C. | ativismo cósmico

Jardim Akashico | Juliana Freire | Rizoma







T r a n s e s p a c i a l i d a d e


Pesquisa sobre o território da residência e seus mistérios. Através de diversas práticas de comunicação interdimensional, meditação, pajelança, estudos de pontos geo patológicos e ações artísticas e poéticas - também da colaboração de Andrea Rehder e do proprietário com a documentação histórica, a artista Juliana Freire decide junto com os demais participantes da Expedição Akashica, refazer o jardim como processo e resultado da residência.


1/3 do terreno - todo o jardim que fazia frente à casa - foi desapropriado para ampliação da Avenida Brasil, ícone de poder da cidade de São Paulo. A casa sofreu outras interferências por órgãos públicos: uma obra da CET fez desmoronar a fachada e na reforma, a entrada foi transferida para a lateral. Posteriormente, a SPTrans desloca para sua frente um ponto de ônibus. Outro interesse das artistas Juliana Freire e Amanda Melo, é a coluna colocada em sua nova fachada, que durante os anos 90 sustentava a mensagem: NEW AGE.














Por Juliana Freire com a participação de:

Amanda Melo da Mota - dual rod, tigela do Himalaia, pesquisa interdimensional, meditação, pajelança, ação no Ceagesp, plantio do jardim

Eveli Pitá Yuerá - pesquisa interdimensional, paisagismo holístico, meditação, plantio

Ricardo Aguiar - deriva e registros Ceagesp, durante a produção do jardim

Paulo Barcellos - mediação interdimensional, ação no Ceagesp durante produção jardim

Andrea Rehder - produção do jardim, plantio e performer da ação no Ceagesp

Helô Sanvoy - plantio e re-localizador do território simbólico do jardim na Av Brasil

Ana Rozow - plantio do jardim e manutenção das plantas



" Frente à necessidade de filmar os sonhos,

tivemos que decidir qual seria a melhor forma de exprimir a poesia específica do sonho, como abordá-la de forma mais convincente, e que meios usar. A solução não poderia ser de caráter especulativo. Em busca de uma resposta, experimentamos inúmeras possibilidades práticas, recorrendo a associações e vagas intuições."

Esculpir o Tempo, Andrei Tarkovski








Foto-Performance Jardim Akashico

2019, CEAGESP

Registros de Ricardo Aguiar

Performers Amanda Melo da Mota, Andrea Rehder, Juliana Freire e Paulo Barcellos















0 visualização

 

_______________________________________________________________________________________________________

 

ART does not automatically occur through the mere collation of knowledge - regardless of how VAST - rather it comes through the intense distillation of ​EXPERIENCE. Mail: jufreire77@gmail.com - Insta:@ativismocosmico